RESULTADO ELEIÇÕES CAPA

Jornal Bosque informa para toda a UFC



É com muito orgulho que o blog Folha do Bosque regozija-se com a eleição Centro Acadêmico Patativa do Assaré 2012. Foram três dias intensos, sofridos e trabalhosos para todos. Nós da comissão eleitoral tentamos fazer o processo mais organizado possível. Cremos que tudo saiu bem e obtivemos um ótimo comparecimento dos alunos de Letras nas urnas.

Foram 637 votos. (Eitaaaa, mermão) Talvez seja a maior eleição do Centro de Humanidades depois das eleições do DCE.

Depois do vexame de não termos representatividade durante longos meses agora temos uma nova gestão que é a VOZ ATIVA. Ela ganhou a Eleição com 418 votos e chapa 1 VERBO obteve 199 votos.

Parabéns ao CURSO DE LETRAS UFC!

O Supremo Tribunal Eleitoral do CAPA agradece aos mesários que ajudaram: Amanda Moura, Kelly Carvalho, Julia Salvador, Natasha Pereira, Guilherme Nogueira, Liziane Karine, Gilvan Linhares, Emanuele Oliveira, Samia Cavalcante, Isabel Lima, Isabela de Sousa, Renata Denipoti.


Reações: 

COMUNICADO ELEIÇÃO CAPA 2012

C O M U N I C A D O

Atenção Chapas que estão concorrendo ao CAPA 2012.

A Comissão Eleitoral entende que neste primeiro dia de votação as atividade de panfletagem são importantes para os estudantes do curso de Letras ficarem ciente da eleição do Centro Acadêmico. Desse modo, os estudantes já conhecem as propostas de cada chapa.

A partir de amanhã 28/03 fica terminantemente proibida a atividade de panfletar. A chapa que descumprir o aviso poderá ser banida da eleição.

Atenciosamente,

Comissão Eleitoral

Reações: 

FISCAL PARA ELEIÇÃO DO CAPA

INSCRIÇÕES PARA FISCAL DAS ELEIÇÕES DO CENTRO ACADÊMICO PATATIVA DO ASSARÉ

Comissão Eleitoral convoca os estudantes de letras UFC para participarem do processo eleitoral do CAPA ajudando como FISCAL DE VOTAÇÃO (MESÁRIO).



Quem se interessar, por favor preencher o formulário abaixo.

Comissão Eleitoral,

Reações: 

GRUPO DE ESTUDO DE FRANCÊS

Reações: 

PRÉ-SAL ENCONTRADO NO BOSQUE


Um acontecimento histórico tem chamado a atenção de muitos que passam pelo Bosque Moreira Campos, uma faixa de isolmento cerca um espaço maior que um campo de bila. Muitos arriscam dizer que encontraram um tesouro no Bosque, mas a realidade é que encontraram Pré-Sal na Mesopotâmia da UFC. A informação é da própria empresa, Rui Corporation, que fará a extração da riqueza natural. O sal ajudará no tempero da comida do Restaurante Universitário. Muitos estudantes estão preocupados com a realização de atividades extrativas que possam atrapalhar as aulas, mas compreendem que tal acontecimento fará com que o PIB (Produto Intelectual Bruto) do Bosque possa aumentar gradativamente.

Reações: 

HOJE O DIA É DELAS!

Por de traz de um grande homem há suas nádegas...e suas costas também!

As mulheres não são apenas mulheres. Elas são mais que isso... algumas são mães, filhas, outras são irmãs e amigas. E a mais preciosa é a ESPOSA. Essa que é a amada mulher do lar (Amélia) e companheira fiel (Nem todas, mas a maioria sim) do ogro homi.

Deixando um pouco de lado a brincadeira, mas epígrafe, lá em cima que seria, “Por de traz de um grande homem há uma grande mulher” é a verdade mais notória da história do bicho HOMEM. Nós só somos o que somos devidos a elas.

Vejamos a autenticidade da seguinte frase:

"Se por trás de todo grande homem existe uma grande mulher, então vale o inverso também: por trás de um pequeno homem talvez exista uma mulherzinha de nada."

Albert Einstein só foi um grande físico devido a Mileva Marić. E assim por diante, como:

Machado de Assis & Carolina Augusta

John Nash & Alicia Nash

Luis Inácio Lula da Silva & Marisa

Gandhi & Indira

Gustavo Rocha & Dercy Gonçalves

Mulher? P’ra quê compreendê-las? Deixemos essa tarefa de lado. Vamos curtir esse ser que nos acalma, transmite paz, bondade e amor.

Portando macharal, façam o favor de pegar leve com nossas divas, pois nossas damas sempre serão assim.

E um recadinho p’ro mulheril: tolerem os homi para vocês evitarem posteriores complicações antropológicas... (WTF?)


GRANDES MULHERES DA LITERATURA...

Cecília Meireles

Clarice Lispector

Florbela Espanca

Lygia Fangundes

Tarsila do Amaral


Dercy Gonçalves

“Ser mulher não é ter o poder de fazer não importa o quê, é poder ultrapassar o dado para um futuro aberto.” (Simone de Beauvoir).

PS: PARABÉNS LEITORAS DO BLOG ...

Reações: 

[ELEIÇÃO CAPA] FICHA DE INSCRIÇÃO


Estudantes do curso de letras que estejam interessados em concorrer as eleições do CAPA deve baixar este formulário de inscrição e anexar fotocópia de documento de identidade e declaração de matrícula/histórico de cada integrante da chapa e entegrar devidamente preenchido aos membros da Comissão Eleitoral.

Atenciosamente,

Comissão Eleitoral.

Reações: 

IMPORTANTE: EDITAL PARA CAPA 2012

Estudantes do curso letras da Universidade Federal do Ceará, em virtude de não haver representantes do Centro Acadêmico Patativa do Assaré e de acordo com o Estatuto do CAPA nós resolvemos montar uma Comissão Eleitoral do CAPA 2012.

Gustav Ewerson, Witallo Fontineles, Najla Valéria.

Essa comissão ficará responsável pela organização das eleições para pleito de 2012.

CRONOGRAMA DO PROCESSO ELEITORAL DO CENTRO ACADÊMICO PATATIVA DO ASSARÉ

ATIVIDADES PREVISTAS

DATAS

Lançamento do Edital

05 de Março

Inscrições da chapa

06 de Março a 24 de Março

Eleições

27, 28, 29 de Março

Posse da chapa vencedora

02 de Abril

Ficou interessado, leia o edital abaixo:

PS: Inscrições com qualquer um dos membros da comissão.

Telefone: (85) 86106920 GUSTAVO


#LetrasMobilizaJá SE VOCÊ SE IMPORTA PELO O CURSO DE LETRAS DIVULGUE ESTE EDITAL.


Reações: 

FILMANDO LITERATURA

Folheiros, O Filmando a Literatura volta com tudo nesse comecinho de 2012.

As inscrições se iniciarão dia 05 de março no blog:

www.filmandoaliteratura.com/

Reações: 

TEORIA DO VERSO COM SÂNZIO DE AZEVEDO


Na manhã desta sexta-feira, o Curso de Letras recebeu a visita ilustre do Ex-Professor Sânzio de Azevedo. Este foi convidado pela Professora Irenísia Torres de Oliveira (Departamento de Literatura) para ministrar uma aula da disciplina de Teoria do Verso. 


Com um jeito bastante irreverente o Professor-Poeta explicou a metrificação dos versos e ensinou as nomenclaturas quantitativas da Teoria. A sala estava lotada, todos estavam com os ouvidos atentos para cada palavra que o Mestre Literato pronunciava. Em meio a explicação do conteúdo, ele contava anedotas, como a do “homem que se despenha por uma mulher que se disputa”, para descontrair a turma. Uma aula produtiva com informações importantes para a análise de poemas. 

Segundo a Professora Irenísia, o que leva os alunos a procurarem a disciplina de Teoria do Verso é a curiosidade que muitos estudantes têm em analisar poemas. A disciplina tem em sua proposta um caráter prático em que cada aula há análises de poemas. A Professora ainda falou que disciplinas assim faltam no Curso. As cadeiras de Literaturas Brasileiras e Portuguesas são compostas muitas vezes mais por historiografia literária do que pelo próprio conteúdo dos textos produzidos pelos autores estudados. Tal fato é algo muito válido, pois não temos como desvincular História e Literatura, mas a sugestão é que existam mais cadeiras como a de Teoria do Verso em que os textos possam ser analisados através de métodos literários. Uma sugestão dada pela professora foi a elaboração de uma cadeira em que se pudesse analisar narrativas.

A aluna Naiana Íris comentou o que ela achou da aula com o Professor Sânzio: "Adorei, achei importante a presença dele. Além de criador da disciplina, é o autor do livro utilizado na mesma. Sem falar que é um grande nome da literatura cearense.” Depois de um dia bastante literário nada como alguns versos para encerrar esta postagem:

SE PROCURO ... 

Se procuro no cérebro as imagens
que em meu olhar, há tempos, embebi,
ouço o ranger de dentes de engrenagens
a triturar os sonhos que perdi...

o que é que vim fazer nestas paragens?
Que tempestade me arrojou aqui?
Por que não me lancei noutras viagens,
já que deixei a terra onde nasci?

Tive a ambição dos nômades nos olhos!
Hoje, nem sei, cercado por escolhos,
que tempestade me arrojou aqui!

E vivo agora assim, perdido e absorto,
entre a saudade do primeiro porto,
e a tentação das terras que não vi!

(Sânzio de Azevedo - São Paulo, 1963)

Reações: